21.11.14

As pessoas, esse bicho do mato

"O não ter respeito a alguns, é procurar, como a morte, a universal destruição de todos."Fonte - Obras EscolhidasAutor - Vieira , António







As pessoas hão-de sempre surpreender-nos, para o bem várias vezes, muitas para o mal.

Hoje vou contar-vos duas histórias, uma contaram-me, outra foi comigo. A primeira fala da história, lá está, de uma rapariga que foi chamada para estagiar numa empresa como jornalista. A experiência decorria com a normalidade possível dos dias de hoje, a normalidade em que és estagiária mas tens responsabilidades de gente grande, mas como és estagiária, és um ser menor que come pouco até porque está super na moda comer sopa fria, aka detox?, a necessidade de dinheiro não te assiste.

Bem e lá andava a rapariga estagiária a tentar, a tentar, a sonhar, a sonhar, a acreditar, a acreditar. E um dia disseram-lhe assim:

- Olha a empregada da limpeza não pode vir mais, tu importavas-te?

A rapariga sentiu ao mesmo tempo que estava no ice bucket challenge e que lhe estavam a espetar uma facada nas costas mas de frente.

Agora fica a questão, para onde foi a vergonha? o descaramento? a sensatez? o respeito? o caralho da vergonha na cara?

Os escrúpulos são uma coisa que se perde ao longo dos caminhos? A vida pode fazer de nós uns filhos da puta (pensei em contentar-me com a sigla, mas os bois devem ser tratados pelos nomes), ou é uma coisa inata ou da infância precoce?

A estupidez/falta de inteligência causa a insensatez? E a necessidade faz o engenho? Se não há ninguém para limpar e limpar é preciso para não cheirar mal vai pedir-se ao elo mais fraco? Adeus?

Bem eram todas retóricas, o que é certo é que é flagrante um dos males de que a nossa sociedade padece num grau muito elevado, a falta de respeito.

A falta de respeito próprio, a falta de respeito por tudo o que mexe, e também pelo que não mexe de resto, e pelo que mexe mas não fala.

Bem quando às limpezas para fazer só havia uma solução dividir para reinar, não há empregada, todos fazem, e não cai a ninguém nenhuma mãozinha de facto, mas se a vida, o mundo, o ser humano fosse assim vivíamos na utopia, e como esta não existe, não existíamos.

Bem a outra história fica para outra oportunidade que agora não me apetece, bem mas eu não tardo, que eu nunca tardo.

Bem a propósito deixo-vos com esta página https://www.facebook.com/ganhemvergonha?fref=ts
vale a pena conhecer, mas atenção são histórias chocantes.

A propósito também, se é um filho da puta sem escrúpulos fora já daqui, a todos os que não são, desculpem os impropérios, mas eu preciso de afogar as mágoas em algum lado.

Se conhece algum filho da puta não se preocupe, apesar de eu ser uma pessoa bem céptica, acredito que o cosmos aka vida se encarrega de queimar quem atiça as brasas, sem eufemismos agora, mãe desculpa, a vida hade fode-los também, despeço-me sem mais!


Espero que fique bem claro que aqui não iremos suportar gente
intolerante como você.